Era você


Eu estava sendo espetada, a cada não sei quantos segundos, estava já me sentindo uma boneca de voodoo, acho que fiquei daquele jeito por mais de 10 ou 15 minutos, não via a hora de sair daquela costureira. Já disse como odeio fazer provas de roupas? Ainda mais em uma costureira, e se dependesse de mim, eu não pisaria ali nunca. Mas não é assim, não comigo. As obrigações não devem ser adiadas. Estava já me dirigindo em direção ao carro da minha mãe, quando vejo do outro lado da rua ele, e céus, aquele era o seu pai? Entendi o porquê de tanta beleza e se eu soubesse que ia ser sempre assim, eu viria aqui na costureira mais vezes...

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário :)

 
© Todos os direitos reservados :: voltar ao topo